Asopinae, Spinola, 1850

Grazia, Jocelia & Schwertner, Cristiano Feldens, 2008, Pentatomidae Cyrtocoridae, Biodiversidad de Artrópodos Argentinos, vol. 2, Sociedad Entomológica Argentina, pp. 223-234 : 227

publication ID

https://doi.org/10.5281/zenodo.3903611

persistent identifier

https://treatment.plazi.org/id/656987AB-FFE4-9A62-0ACA-FF2CFBA941E7

treatment provided by

Carolina

scientific name

Asopinae
status

 

Asopinae   .

Os asopíneos são amplamente reconhecidos por seus hábitos predadores, morfologia diferenciada e seu potencial de utilização em programas de controle biológico de pragas. Como caráter morfológico comum a todo o grupo, o espessamento do rostro corresponde à adaptação para predação de outros insetos. Em geral o rostro é mais longo do que as búculas; quando contido entre as búculas, as tíbias anteriores são foliadas (por exemplo Heteroscelis Latreille   ). São encontrados em todas as regiões zoogeográficas, perfazendo 357 espécies distribuídas em 63 gêneros. Thomas (1992) é o trabalho mais recente sobre este grupo no novo mundo, contendo práticas chaves de identificação de gêneros e espécies. Na Argentina foram registrados 13 gêneros e 28 espécies (Apêndice I, Fig. 1 View Fig ).